5 passos para abrir uma agência de viagens

A transformação digital se revelou uma grande amiga dos viajantes. A popularização de serviços alternativos de transporte e hospedagem — como Airbnb, Uber ou Hotel Urbano — facilitou e tornou mais barato realizar viagens que antes não passavam de sonho para muita gente. Nesse contexto, abrir uma agência de viagens se tornou mais desafiador, e é necessário pensar em estratégias inovadoras para não ficar para trás.

abrir uma agência de viagens

A Organização Mundial do Turismo divulgou que em 2017 mais de 1,3 bilhão de pessoas no mundo todo fizeram suas malas e saíram em viagem, representando um crescimento de 7% no setor comparado ao ano anterior. Isso mostra um cenário favorável para empresas de serviços turísticos, e a realidade brasileira segue na mesma direção.

O Fórum Mundial Econômico elegeu o Brasil como o país com maior diversidade de belezas naturais e o oitavo com maior pluralidade cultural, representando um destino turístico de grande procura e visibilidade. No ano passado, o turismo foi responsável pela injeção de US$ 152,2 bilhões na economia nacional, correspondendo a 8,5% do Produto Interno Bruto (PIB).

Tendo em vista esse cenário de novas oportunidades, vamos mostrar neste artigo os 5 passos essenciais para abrir uma agência de viagens e como fazer com que ela seja um sucesso.

Agência de viagens: negócio em decadência ou ascensão?

As agências de viagens foram, tradicionalmente, o principal intermediário entre turistas e empresas do setor — como companhias aéreas, de transporte rodoviário, hotéis e restaurantes. A tecnologia facilitou o acesso a diferentes opções e valores de passagens e hospedagem, mas as agências de viagens continuam forte no mercado pelo diferencial de contar com profissionais qualificados, proporcionando economia de tempo, dinheiro e gerando mais conforto e segurança para o cliente.

O Boletim de Desempenho Econômico do Turismo, divulgado pelo Ministério do Turismo, revela que as agências de turismo, isoladamente, tiveram um aumento de 9,3% do faturamento no terceiro trimestre de 2017, se comparado com o mesmo período do ano anterior. As demais empresas do setor tiveram um crescimento médio de 4,3% no faturamento.

Se você está pensando em investir no setor e não sabe por onde começar, veja nossas dicas abaixo.

Veja os 5 passos para abrir uma agência de viagens:

  1. consulta comercial: primeiro, é preciso saber se o local do estabelecimento escolhido é apto para a realização de atividades comerciais. Essa etapa é realizada junto ao órgão responsável pelo cadastro dos imóveis de sua cidade, como a Prefeitura Municipal ou Secretaria Municipal de Urbanismo;
  2. busca de nome e marca: se o nome da marca já estiver definido, faça uma pesquisa para verificar se existe uma empresa registrada com o mesmo nome que o pretendido. Você deve fazer a consulta em uma Junta Comercial, Cartório — em caso de sociedade simples — ou no Instituto Nacional de Propriedade Intelectual;
  3. formalização do negócio:  na Junta Comercial ou Cartório deve ser feito o arquivamento do contrato social ou declaração de Empresa Individual. Nesta etapa, também deve ser feita a solicitação de CNPJ junto à Receita Federal e a solicitação da inscrição estadual para a Receita do estado de atuação da empresa;
  4. licnça e INSS: para a empresa poder atuar no estabelecimento escolhido é necessário obter o  Alvará de licença, que pode ser requerido na Secretaria Municipal da Fazenda. Já no Instituto Nacional de Seguridade Social, você poderá solicitar a matrícula do INSS;
  5. registro no Cadastur: depois de abrir uma agência de viagens, é preciso registrá-la junto ao Ministério do Turismo. O cadastro é gratuito e feito de forma virtual no site do Cadastur. Além das agências de viagens, o registro é obrigatório para empresas dos seguintes ramos:
  • guia turístico
  • hospedagem
  • transportadora turística
  • organizadora de eventos
  • acampamento turístico
  • parque temático

Estratégias para sua agência de viagens

Mesmo para os consumidores que preferem a comodidade de contar com uma empresa especializada na hora de planejar suas viagens, é necessário pensar em diferenciais para atrair e fidelizar os clientes — que estão cada vez mais exigentes. Para isso, uma boa alternativa é investir em campanhas promocionais.

Uma das principais vantagens de fechar um pacote com uma agência é a possibilidade de parcelamento da viagem. Pensar em estratégias inteligentes de precificação e promoções é uma ação com boas chances de sucesso.

Os clientes estão cada vez mais exigentes e conectados, por isso é fundamental que a empresa esteja presente nas redes sociais e elabore estratégias de marketing para aumentar o faturamento. Esse ramo permite a criação de blogs sobre viagens, por exemplo, que podem ser o primeiro contato que o cliente tem com a marca quando procura sobre curiosidades sobre seu destino. O Sebrae SC produziu um guia completo sobre marketing digital para micro e pequenas empresas. Não deixe de conferir!
Acompanhe nosso blog para ter acesso a mais dicas sobre empreendedorismo. Além disso, no portal de atendimento Sebrae Santa Catarina você encontra dados consolidados sobre diferentes setores e atividades para definir os melhores planos para o seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *