Comissão de vendas: conheça as diferentes modalidades

Trabalhar com vendas implica em saber a importância de incentivar os funcionários para aprimorar constantemente o atendimento e aumentar o lucro. Por isso é necessário pensar na estratégia de comissão de vendas que mais combina com o seu negócio. Neste artigo iremos mostrar as diferentes modalidades de comissionamento e dicas para implementar na sua empresa.

comissão de vendas

A bonificação salarial para os vendedores através da comissão de venda é adotada por muitas empresas que desejam criar mecanismos para impulsionar as conversões e aumentar o faturamento. Mas saiba que, para que essa estratégia funcione, é preciso ter transparência sobre o formato de comissionamento que a empresa pratica. Os vendedores precisam ter clareza das metas que precisam atingir e qual será sua recompensa caso consiga alcançá-las.

Atenção: lembre-se de atentar para a formação do preço das vendas independente do tipo de comissão que você escolher implementar para não comprometer o lucro final. Um plano de negócio é uma ótima forma de fazer a precificação correta do seu produto ou serviço.

Quais as diferentes formas de comissão de vendas?

Decidir qual a estratégia de comissionamento adotar pode não ser fácil, mas pensar na melhor maneira de remunerar os funcionários é importante para alavancar as vendas, motivar os funcionários e também reter os bons vendedores.

Para que você saiba qual a estratégia de comissão de vendas é melhor para você, conheça as diferentes formas de comissionamento:

Comissão por venda

Essa modalidade de comissionamento é uma das mais fácil de implementar, por se tratar simplesmente de um percentual fixo da venda que é destinado ao vendedor. O pagamento das comissões por venda podem ser realizados juntamente com o salário mensal do colaborador, pagamentos semanais ou ainda por cada venda realizada, dependendo do produto ou serviço que a empresa oferece. Estes últimos são mais comuns quando as vendas são mais demoradas e, geralmente, possuem um valor mais elevado.

É comum também, nesta modalidade, as empresas trabalharem com aumento proporcional da taxa de comissão através das metas. Por exemplo, se funcionário vender até R$ 5.000 em vendas recebe 3% de comissão. Caso ultrapasse o valor, a porcentagem sobe para 5%.

Esse método é bastante eficaz para motivar os vendedores, mas atente para o treinamento de pessoal com relação ao atendimento, para que não saiam simplesmente empurrando os produtos para os clientes para cumprir o objetivo estipulado.

As metas, porém, devem ser atingíveis e estar em conformidade com a realidade da empresa e da situação econômica do setor. Dependendo dos produtos ou serviços que você oferece, é válido verificar se a sazonalidade influencia nas vendas, para aumentar o objetivo quando as vendas costumam ocorrer mais e baixá-la quando a movimentação não é favorável. Não esqueça de ouvir sempre a sua equipe e alinhar as metas de maneira que beneficie a todos.

Leia também: Técnicas de persuasão em vendas: como aplicar?

Comissão por faturamento bruto

A comissão por faturamento bruto, como o nome já diz, leva em consideração toda a receita bruta da empresa. Nesta modalidade, todas as vendas do mês anterior contam para a comissão, sem retirar os custos, que então é distribuída igualmente entre todos os vendedores. Neste caso, o percentual da comissão costuma ser um pouco mais baixo, por se tratar do faturamento bruto da empresa.

Por exemplo: uma empresa que venda R$ 100.000,00 no mês de setembro, com uma taxa de comissionamento de 0,5% terá que pagar, em outubro, R$ 500 reais de comissão para cada vendedor. Assim como no caso da comissão por venda, também é possível estipular metas e variar a porcentagem da comissão para cada faixa de rendimento, engajando toda a equipe a perseguir o mesmo objetivo.

Comissão por margem de lucro

Ao contrário da comissão por faturamento bruto, a comissão por margem de lucro leva em consideração somente o rendimento. Esse modelo de remuneração talvez seja o mais difícil de calcular, pois é necessário manter um fluxo de caixa completo e atualizado para descontar todas as despesas e apurar o valor do lucro para depois calcular o valor da comissão.

Os vendedores recebem uma porcentagem fixa em cima do lucro da empresa, como se fosse uma participação nos resultados. Mas lembre-se que para implementar esse modelo de comissionamento é preciso ter transparência total do faturamento e despesas com os seus colaboradores.

E aí? Está mais preparado para decidir que modalidade de comissionamento escolher? Compartilhe com a gente suas dúvidas, comentários e sugestões. Em nosso Blog você encontra uma série de artigos e dicas sobre empreendedorismo e inovação. O Portal de Atendimento oferece materiais e cursos para você aprender cada vez mais e alavancar seu negócio. Não deixe de conferir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *