É possível empreender com pouco dinheiro?

shutterstock_563469091

A falta de dinheiro é um dos maiores obstáculos para quem sonha em ter o próprio negócio, certo? Nem sempre! Não é preciso um grande capital para o sucesso de um empreendimento: o segredo está na estratégia! Confira dicas rápidas que podem ajudar em algumas decisões para a sua empresa sair do papel!

Comece seu negócio em um ramo que já conhece

Saiba quais são suas habilidades! Empreender é saber otimizar custos e isso se torna mais fácil quando você tem experiência no mercado.

Comece com pequenos passos

É preciso pensar grande, mas saiba executar com os pés no chão! Planeje ações de curto prazo para alcançar seus objetivos com mais rapidez, isso trará confiança para que os próximos passos sejam mais ousados.

Faça um mínimo produto viável

Trabalhar com poucos recursos, tanto em dinheiro quanto em pessoas, pode limitar na sua produção. O importante, nessa situação, é construir o produto à medida que os pedidos vão surgindo, é aí que entra o mínimo produto viável. Se não atender às expectativas do público, é mais fácil reformular o produto ou a estratégia do que quando já se gastou demais.

Gaste somente quando necessário

A internet proporciona muitos recursos e plataformas gratuitos para se empreender. A ideia é gastar o mínimo possível, inclusive, que tal aprender novas habilidades para poupar com novas contratações? Outra ideia é buscar sócios complementares.

Faça a conta do estoque

Quanto dinheiro você tem para investir no seu negócio? A partir disso, busque modelos de negócio com um controle de estoque baixo e produtos de comercialização rápida.

Aposte no crowdfunding

Se você tem uma ideia de produto ou serviço que possa interessar um número considerável de consumidores, o financiamento coletivo é uma forma rápida de levantar o dinheiro.

Conhecer o seu mercado, concorrência e as novidades do setor são fundamentais para decidir as melhores estratégias para o seu negócio. Confira todos os conteúdos exclusivos e totalmente gratuitos do SIS Sebrae aqui!

Deixe seu comentário