Ideias de negócios para ganhar dinheiro no inverno

Não são somente as paisagens da Serra catarinense as beneficiadas com a chegada do frio no estado. Além de trazer consigo um charme irresistível, a estação mais fria do ano está ligada ao aumento do faturamento em alguns segmentos do mercado. Neste artigo mostraremos algumas ideias de negócios para abrir com a chegada do frio e aproveitar para ganhar dinheiro no inverno. Confira a seguir.

ganhar dinheiro no inverno

No ano passado, o portal Meio e Mensagem divulgou uma pesquisa realizada pela Google Brasil sobre a influência do inverno no consumo em nosso país. Entre os principais resultados, o mapeamento mostrou um aumento de 10% nas buscas por compras em geral, sendo que alimentos e itens para casa ganham um destaque especial. Segundo o diretor de negócios e bens de consumo da Google, o principal objetivo da sondagem é mostrar para as empresas que existem muitas buscas de temas relacionados ao inverno que podem gerar oportunidades.

Ganhar dinheiro no inverno: em quais negócios investir?

Alguns setores do mercado costumam aquecer a medida que as temperaturas baixam. Listamos alguns negócios que fazem parte desses nichos para você ter ideias mais amplas e embasadas de quais negócios investir.

1. Lavanderia

Com o frio, é natural que as pessoas tirem dos armários os cobertores e roupas mais pesadas que passaram o ano todo guardados. Aliado a isso está o fato que as roupas demoram consideravelmente mais para secar com as temperaturas mais baixas. Por estes motivos, muitas pessoas costumam recorrer para lavanderias durante o inverno, aumentando o faturamento das empresas na estação. Se você estiver pensando em abrir uma lavanderia, considere diferenciais como recolhimento e entrega à domicílio ou lavanderias segmentadas como:

  • lavanderia por quilo;
  • lavanderia de autosserviço;
  • lavanderia de peças hospitalares;
  • lavanderia industrial.

Além de faturar mais no inverno, essas empresas estão representando um crescimento representativo pela mudança de hábitos das famílias mais modernas, que buscam cada vez mais por soluções práticas para economizar tempo.

A Associação Nacional de Empresas de Lavanderia (ANEL) aponta que em 2014 o setor era responsável pelo faturamento anual de quase R$ 7 bilhões, com expectativa de aumento de 10% até 2020.

Confira o material completo sobre como e onde abrir uma lavanderia e quais estratégias adotar para ter sucesso no seu negócio.

2. Cafeteria

A bebida mais adorada pelos brasileiros é ainda mais consumida no inverno. Segundo informações da Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), entre o outono e inverno, o consumo da bebida cresce cerca de 30% no país. Isso porque o café tem a capacidade de nos aquecer e tornar o ambiente frio mais prazeroso.

Cafeterias são estabelecimentos que exigem um ponto comercial bem localizado, em regiões bastante movimentadas. As pessoas muitas vezes não estavam planejando ir até o estabelecimento, mas muitas vezes estão passando em frente a loja e decidem parar para tomar um café ou uma bebida quente. Invista em bons equipamentos, estruture seu plano de negócios e aposte na especialização dos funcionários, tanto para o preparo dos produtos quanto o atendimento ao público. Pense em diferenciais, como oferecer cafés para viagem ou promoções de inverno, por exemplo.

3. Turismo

Com as férias de Julho, o inverno traz muitas oportunidades para o segmento turístico. Por dedicar um período menor de recessão do que o verão, muitas pessoas acabam priorizando viagens pelo Brasil. Os destinos mais procurados no inverno são cidades mais frias, por isso Santa Catarina e a região Sul acaba se destacando no cenário nacional. Entre os principais negócios para se abrir no ramo turístico estão:

  • restaurantes;
  • campings;
  • hotéis e pousadas;
  • transportadora;
  • agência de turismo

Lembre-se: com exceção de restaurantes, todos os outros negócios são obrigados a realizar o registro de licença para operação junto ao Ministério do Turismo através do Cadastur.

Se você quer saber mais sobre o setor de turismo, confira os 5 passos para abrir uma agência de viagens e o material que mostra o panorama das agências de viagens e operadores turísticos no Brasil.

4. Artesanato

O profissional autônomo não fica de fora da estação. Artistas ganham uma boa chance no inverno para comercializar alguns artigos manufaturados a mão. Além do artesanato sustentável, peças de roupas de crochê ou tricô são bastante procuradas. É preciso que o profissional que trabalha por conta própria se atente para questões financeira importantes, como capital inicial e fluxo de caixa para criar um planejamento financeiro e não ficar no vermelho. Um Plano de Negócios também pode ajudar o profissional autônomo a estruturar o negócio, reduzir custos e aumentar a produtividade e o faturamento.
Acompanhe nosso Blog para saber mais sobre empreendedorismo e inovação. Em nosso Portal de Atendimento você encontra uma série de conteúdos e materiais que podem ajudar na criação e desenvolvimento do seu negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *