Marketing sensorial no varejo: como utilizar nas pequenas empresas?

Nossas percepções sobre o mundo acontecem essencialmente por meio dos cinco sentidos: olfato, audição, visão, tato e paladar. Costumamos associar imagens, músicas, ícones e personagens a determinadas marcas e ambientes. Por isso é tão importante pensar na identidade da empresa e como ela se comunicará com seu público. A utilização dos sentidos como estratégia de posicionamento no mercado é chamada de marketing sensorial.

marketing sensorial

Essa é uma técnica que, se aplicada no varejo, pode render bons resultados. Ela age diretamente no subconsciente do cliente, aumentando seu nível de satisfação e é um impulsionador importante para as vendas. No livro Neuromaketing: o marketing das emoções, o autor Werner A. Görlich destaca que a maior parte do nosso processo decisório acontece exatamente fora da zona racional do cérebro.  

Como estruturar uma estratégia de marketing sensorial?  

Os avanços tecnológicos têm permitido que esse conceito, surgido na Inglaterra, ganhe notoriedade em todo o mundo. A cadeia de hotéis Marriot, por exemplo, usou a tecnologia Oculus Rift – equipamentos visuais que criam cenários virtuais – para transportar as pessoas virtualmente para diferentes destinos de férias, como o Hawaii.

A boa notícia é que não são apenas as grandes marcas que podem tirar vantagem desse conceito. Embora pareça algo complexo, investir em uma estratégia de marketing sensorial não requer grandes recursos. Com atitudes simples e pouco investimento é possível destacar-se no mercado.

Um perfume que identifique sua marca ou uma música ambiente são dois exemplos de como oferecer uma experiência diferenciada ao consumidor. O primeiro caso pode ser uma alternativa até mesmo para a geração de receita. Provavelmente você já entrou em locais que deixam à disposição do cliente a fragrância utilizada na loja, caso ele queira comprar. Essa é uma prática bastante comum no comércio de roupas e acessórios femininos.

A escolha das cores também é uma forma de chamar atenção para os sentidos. Dependendo do segmento do seu negócio e do seu objetivo é melhor usar tons mais fortes ou mais claros na comunicação. Em uma pesquisa sobre o que mais influencia na escolha de um produto, 80% dos entrevistados declararam que a cor aumenta o reconhecimento da marca e a confiança do consumidor.

Utilizando os cinco sentidos

Abaixo, selecionamos alguns elementos que ajudam a criar vínculos emocionais entre produtos ou serviços e os consumidores:

  • visão – esse talvez seja um dos nossos sentidos mais fáceis de detectar e também o mais explorado. Quem nunca comprou um produto por causa do seu design ou entrou em um lugar porque simplesmente achou bonito? Uma vitrine bem executada e o layout intuitivo de um site são essenciais para atrair a atenção dos clientes;
  • olfato – empresas de varejo podem reforçar seu posicionamento associando perfumes à sua marca. É importante que os aromas realcem de fato os atributos do seu negócio (exemplo: jovem, fresco, dinâmico, etc.). Assim, cada vez que o cliente sentir aquele cheiro lembrará rapidamente dos seus produtos;
  • audição – manter uma música ambiente agradável é uma forma de proporcionar uma experiência prazerosa ao consumidor. Fique atento, no entanto, ao volume, que não pode ser muito alto. Uma dica é pedir o apoio de uma empresa especializada em rádio indoor;
  • tato – você pode melhorar o relacionamento e a experiência de compra do cliente permitindo que ele experimente seu produto. Essa é uma prática bastante comum, é verdade, mas que muita gente não enxerga como uma estratégia de venda.
  • paladar – você se preocupa em deixar itens como cafés, chás, bolachas, chocolates e balas à disposição dos clientes? Então já está fazendo marketing sensorial. Por mais que sua empresa não venda alimentos, esse tipo de atitude encantar o consumidor.  

Quer aprender outras técnicas para aumentar as vendas do seu pequeno negócio? O Sebrae Santa Catarina oferece o curso online Aumentando suas Vendas com Criatividade. Em apenas 45 minutos, empresário da pequena empresa é apresentado a novas formas de negociar e dinamiza sua participação de mercado.

Há ainda outras oportunidades de cursos e conteúdos sobre marketing em nosso Portal de Atendimento. Os materiais ajudam micro e pequenos empresários a utilizar as melhores ferramentas para desenvolver um relacionamento de confiança com clientes e fornecedores

Acesse também a Biblioteca Interativa Sebrae-BIS  e saiba mais sobre Marketing Sensorial.

atendimento_midias_sociais_CTA