Mercado de bem-estar oportunidades para serviços focados na saúde mental

Relatório do Sistema de Inteligência Setorial (SIS) do Sebrae aborda os principais aspectos deste tema.

shutterstock_623910104

A vida agitada, a carga horária de trabalho estendida e o trânsito são alguns dos fatores que contribuem para o aumento do estresse entre a população. E essa tensão vivida no dia a dia pode acarretar problemas graves. O relatório de inteligência do SIS/Sebrae aborda os principais aspectos deste tema e como podem ser oferecidos serviços focados na saúde mental e no bem-estar.

A rotina exaustiva pode resultar em situações que tomam conta da vida das pessoas, evoluindo para quadros de ansiedade, depressão e demais transtornos relacionados à saúde mental. Conforme dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a depressão é um transtorno considerado comum no mundo: estima-se que ela atinja 300 milhões de pessoas. Apesar do alto número, a OMS diz que menos da metade dessas pessoas recebe o tratamento adequado.

Afastamento do trabalho

Os transtornos relacionados à saúde mental são a segunda maior causa de afastamento do trabalho, segundo dados da pesquisa realizada pela International Stress Management Association. Nos últimos dez anos, a concessão de auxílio-doença relacionados a transtornos dessa natureza aumentou quase 20 vezes (conforme informações do Ministério da Previdência Social).

Um estudo coordenado por professores de medicina da Universidade de São Paulo (USP) e desenvolvido em cidades brasileiras e europeias mostrou que muitos dos transtornos relacionados à saúde mental podem estar ligados às condições socioeconômicas e de ambiente.

Fatores responsáveis pelo surgimento das doenças

Os problemas que afetam a saúde mental aumentam a cada ano. Mas o que muitos não sabem é que algumas situações podem potencializar os riscos e a gravidade dos casos. Uma das principais causas para o aumento da ansiedade é a hiperconectividade.

Estar conectado a tudo o que acontece e ter acesso às informações de maneira instantânea pode trazer muitas vantagens. Mas, em contrapartida, pode contribuir para que as pessoas não consigam se “desligar” da rotina. Com isso, os momentos de descanso passam a ser cada vez menores.

Outros fatores que contribuem para o surgimento das doenças são a instabilidade financeira, a pressão no ambiente corporativo, bullying e uso indiscriminado das redes sociais.

Como atuar no atendimento a esse público

Os problemas relacionados à saúde mental podem ser minimizados ou evitados, a partir de atividades que valorizam uma vida mais saudável, visando o equilíbrio do corpo e da mente. Neste nicho, a possibilidade de atuação no segmento surge como uma oportunidade, já que o investimento em práticas que valorizem a saúde tem se tornado uma preocupação cada vez maior. Algumas opções na área são:

  • Meditação

A meditação é uma excelente opção para quem busca esvaziar a mente, diminuir os ruídos e relaxar. Muitos empreendedores já têm buscado na prática o norte para as decisões mais importantes. Ao profissional que atuará como instrutor de meditação não é exigido um curso superior específico, mas são indicados cursos de formação na área (nível profissionalizante).

  • Massagens terapêuticas e relaxantes

A aplicação de técnicas manuais que visam o relaxamento dos músculos traz benefícios físicos e psicológicos. Antes que o corpo apresente sinais de esgotamento, as massagens podem agir de maneira preventiva, diminuindo o estresse e os reflexos que ele pode trazer para o corpo. Esses benefícios consistem em uma oportunidade de atuação na área de saúde e bem-estar.

  • Palestras e oficinas destinadas a empresas

A OMS reforçou a importância das empresas promoverem a saúde mental no ambiente de trabalho. No entanto, nem todas as empresas apresentam uma equipe especializada na área para fornecer um suporte nesse sentido.Por isso, uma das possibilidades consiste em oferecer serviços que visam à saúde e ao bem-estar corporativo.

Leis e regulamentações

Informe-se sobre quais são as licenças necessárias para prestar os serviços. Consulte a prefeitura de sua cidade e verifique se o local escolhido pode comportar as atividades que você irá oferecer. Nome e marca que serão utilizados, inscrições (municipais e estaduais, caso necessárias), alvará de funcionamento e CNPJ são alguns dos cuidados que devem ser tomados.

Mais informações

Quer acompanhar as principais movimentações do mercado de Beleza e Bem-Estar? Estar por dentro dos eventos do setor e principais tendências? Acesse o portal de Sistema de Inteligência Setorial do Sebrae de Santa Catarina.

Cadastre-se no SIS/Sebrae para receber mensalmente relatórios e boletins de inteligência que o ajudarão na orientação do seu negócio.

*Conteúdo desenvolvido por Gabriel Rocha, jornalista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *